Provavelmente o melhor brinquedo do mundo

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

A LEGO fez 85 anos e, assinalando a efeméride, José Morgado escrevia ontem, na sua Atenta Inquietude, sobre aquele que é provavelmente o melhor brinquedo que a humanidade já inventou.

Do meu ponto de vista é o brinquedo perfeito. A sua utilização é intuitiva permitindo que o manual de instruções ou a supervisão de alguém só possa ser necessária para réplicas mais sofisticadas. Os bebés com peças LEGO na versão Duplo nas mãos rapidamente entendem a forma como se brinca. Dispensa manual de instruções a não ser para replicar construções.

Contrariamente a muitos outros brinquedos, os LEGO é mesmo interactivo, qualquer de nós, mais pequeno ou mais velho, transforma um monte avulso de peças coloridas naquilo que entender. Por isso uma outra característica, a imaginação, é o limite de uma brincadeira com peças LEGO que a alimentam e estimulam.

Inventados e patentados por um carpinteiro dinamarquês, os blocos coloridos LEGO permitem uma infinidade de combinações. E tanto se podem construir, passo a passo, as casas, os veículos ou os cenários reproduzidos nas caixas dos conjuntos, como pôr de parte os manuais de instruções e dar largas à imaginação, fazendo criações inteiramente originais, onde os limites são apenas os impostos pela idade, os interesses e, acima de tudo, a imaginação dos pequenos criadores.

Vivendo a minha infância e juventude num tempo em que não havia telemóveis nem internetes, em que as férias eram mesmo grandes e quase não havia ocupação organizada de tempos livres, recordo com saudade as longas horas que passava entretido com os LEGOS, um brinquedo que os meus filhos, embora de outra geração, também apreciaram.

Mas os tempos mudaram, e vejo hoje com apreensão como os jogos electrónicos, os omnipresentes telemóveis e internet estão a tornar os miúdos cada vez mais, e cada vez mais cedo, consumidores passivos do entretenimento que os fabricantes de conteúdos produzem para eles, em vez de imaginarem e criarem eles próprios as suas brincadeiras, como o LEGO e outros jogos semelhantes permitem fazer.

A própria LEGO sentiu dificuldade em se adaptar aos novos tempos, e a sobrevivência das peças coloridas passa cada vez mais pelos conjuntos que reproduzem cenas de séries e filmes populares ou os super-heróis do agrado do grande público. Lamentavelmente, um brinquedo que sempre serviu indistintamente para os dois sexos é hoje tendencialmente sexista, com os carros e os monstros para meninos e as casas de bonecas para as meninas.

Ainda assim, julgo que o LEGO continua a ostentar o título de melhor brinquedo para crianças e jovens de todas as idades. E os adultos que sentiram – e ainda não esqueceram! – o encanto e a magia daquelas construções certamente concordarão comigo…

Anúncios

One thought on “Provavelmente o melhor brinquedo do mundo

  1. Definitivamente o Lego é um dos melhores brinquedos do mundo. Além eles tem muito bons filmes. Faz muito tempo que não via um filme com uma história tão boa quanto Lego Ninjago o filme, o que mais eu gostei foi da grande historia que tem. Definitivamente recomendo. É um dos melhores filmes para crianças que eu vi até agora. Acho que esta é uma boa oportunidade para vê-lo novamente. Se alguém por aqui ainda não viu, eu devo dizer que vocês vão gostar com certeza. Lego Ninjago o filme é um filme para pequenos que tem uma historia maravilhosa.

    Gostar

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.