Dia de Sobrecarga da Terra

espremer-a-Terra.jpgDesde o início de Janeiro até ontem, 2 de Agosto, a humanidade consumiu uma quantidade de recursos naturais equivalente à que o planeta é capaz de regenerar no período de um ano.

Claro que são sobretudo os países desenvolvidos que contribuem para este esbanjamento de recursos que o crescimento demográfico e o desenvolvimento económico não sustentado também potenciam.

Em 1987, o chamado Dia da Sobrecarga da Terra – data em que todos os seres humanos do mundo acabaram com os recursos necessários para viver de maneira sustentável por um ano – caiu no dia 9 de dezembro.

Desde então, o limite do “orçamento natural” do planeta foi ultrapassado de maneira cada vez mais intensa, fazendo com que a data em que essa barreira é atingida seja registrada mais cedo a cada ano. Em 2016, o Dia da Sobrecarga da Terra foi 8 de agosto, seis dias depois deste ano.

“Estamos consumindo nossos recursos naturais como se fossem um produto que podemos comprar quando acaba, consumindo tanto quanto queremos dele”, disse Lena Michelsen, consultora de políticas para nutrição e agricultura da rede de desenvolvimento alemã Inkota, em entrevista à DW. “Não podemos continuar desse jeito.”

Segundo especialistas em sustentabilidade, atualmente a humanidade precisa de 1,7 planeta para suprir os recursos que consome dos ecossistemas da Terra.

O caminho actual de esbanjamento de recursos não é sustentável, e sabe-se há muito o que há a fazer para o reverter. O que falta é a vontade política para tomar medidas efectivas e eficazes a longo prazo, ao mesmo tempo que prevalece a ilusória tentação de achar que as mudanças ambientais nunca nos afectarão.

Segundo Michelsen, há três fatores importantes a serem melhorados para diminuir o consumo de recursos naturais:

É inegável que têm sido tomadas medidas para promover o uso de energias renováveis, reduzir o impacto ambiental das actividades agrícolas e industriais e incentivar formas mais ecológicas de mobilidade urbana. Mas enquanto, de ano para ano, anteciparmos o Dia da Sobrecarga da Terra, em vez de conseguirmos adiar a sua “celebração”, fica claro que a defesa do ambiente é uma guerra em que, infelizmente, continuamos a perder.

Anúncios

One thought on “Dia de Sobrecarga da Terra

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s