Contratos de associação para 2017/20

Eis o quadro com o número máximo de turmas de início de ciclo a abrir no próximo ano lectivo, segundo o aviso ontem publicado no site da DGAE.

fig1.JPGfig2.JPG

Comparando com o concurso do ano anterior, verifica-se que há três novos locais onde a análise da rede terá ditado a celebração de contratos de associação: Amarante, Alfarelos/Granja do Ulmeiro (Soure) e Milagres (Leiria).

Em contrapartida, deixam de poder abrir novas turmas os colégios das seguintes zonas, que no ano passado ainda foram contempladas: Cabeceiras de Basto, Torre D. Chama (Mirandela), Peso da Régua, S. Mamede (Batalha), Ançã (Cantanhede), Cantanhede, Almalaguês (Coimbra), Bustos (Oliveira do Bairro), Souto (Sabugal), freguesias urbanas de Viseu e Nazaré.

Deste procedimento não constam ainda as turmas do 5º ano, que serão apuradas com base num critério mais generoso para os privados e que pode implicar até, nalgumas zonas do país, duplicação de oferta em relação à rede pública, como já aqui se explicou. Resta portanto saber se, a algumas escolas privadas que por agora ficaram a ver navios não sairá, daqui por uns dias, o prémio de consolação.

Anúncios

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s