Todos professores

liggestual.gifA dois dias do fim das negociações entre a Federação Nacional de Professores (Fenprof) e Ministério da Educação, os professores surdos exigiram, numa conferência de imprensa organizada pela Fenprof, em Lisboa, ser reconhecidos como docentes, que “em termos práticos” já o são, deixou claro o secretário-geral, Mário Nogueira. Querem deixar de ser contratados como técnicos especializados exigindo para isso o reconhecimento da sua carreira docente.

A presidente da Associação de Profissionais de Língua Gestual (Afomos), Alexandra Perry reforçou na conferência realizada esta quarta-feira a ideia de que fazem tudo como qualquer outro docente: “damos aulas, fazemos avaliações, sumários; somos professores”. O jurista da associação, Filipe Venade, afirmou em “três palavras-chave” o que estes professores exigem: “profissionalização, dignidade profissional e direitos”. No total, existem em Portugal 150 professores surdos, dos quais só 87 estão actualmente a trabalhar, e “mais de mil alunos nas escolas”, referiu Alexandra Perry.

A equiparação dos professores de língua gestual a técnicos especializados, em vez de serem reconhecidos, de pleno direito, como professores, tem consequências: estes colegas não são admitidos aos concursos nacionais, são colocados tardiamente e recebem um ordenado mensal inferior. Mas não são caso único.

A precariedade extrema e a discriminação atingem muitos outros docentes a quem são impostos todos os deveres profissionais dos professores, sem que lhes sejam reconhecidos os direitos previstos no Estatuto da Carreira Docente, como é o caso dos professores das AECs ou de diversas disciplinas técnicas dos cursos profissionais e do ensino artístico.

Para já, a Fenprof exige ao ministério que a nova legislação dos concursos contemple a criação de novos grupos de recrutamento, nomeadamente no teatro, na dança e na intervenção precoce, além da língua gestual.

Pois todos os que ensinam e avaliam alunos, nas escolas portuguesas, são de facto, e de pleno direito, professores.

Anúncios

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s