Ano Novo, velhos problemas

Para além do engonhanço negocial dos concursos, onde a última proposta do ME, segundo cálculos da Fenprof e da Associação dos Professores Contratados, pode não chegar a vincular mais de mil professores, a falta de pessoal auxiliar continua a afectar o funcionamento de escolas por todo o país.

Auxiliares da Secundária de Marco de Canaveses em greve por falta de pessoal

Sindicato anuncia greve de auxiliares das escolas em fevereiro

Pode atirar-se a culpa para uma norma herdada do anterior governo, que determina rácios de pessoal em função do número de alunos sem ter em conta a tipologia e o número dos edifícios escolares. Mas também é verdade que os actuais inquilinos da 5 de Outubro já tiveram tempo suficiente para alterar a lei, caso assim o entendessem, ou autorizar, casuisticamente, a contratação de mais pessoal.

crato-miudos.jpgMas não. Sobre estas e outras questões em aberto, o Ministro da Educação continua a fazer o mesmo de sempre, só que agora ao vivo e em directo para a Rádio Miúdos: promete, mas não se compromete

Anúncios

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s