Vamos ter menos alunos

As escolas públicas vão perder perto de 109 mil estudantes até 2021. O Ministério da Educação divulgou nesta quarta-feira uma nova previsão para a variação do número de inscritos nos próximos cinco anos lectivos. A estimativa de quebra é superior às que tinham sido apresentadas nos últimos anos. As regiões Norte e Centro serão as mais afectadas.

projeccao.JPG

A diminuição global do número de alunos no ensino não superior não afecta igualmente todos os níveis de ensino. No secundário até haverá mais alunos nos próximos anos, antes de se voltar, lá para 2020, a valores próximos dos actuais. Já no ensino básico a descida é geral, e mais acentuada no 1º ciclo.

A que se ficará então a dever a perda de mais de 60 mil alunos no 1º ciclo, neste período de seis anos lectivos?

Estamos a falar de crianças nascidas entre 2009 e 2014, ou seja, em plena crise financeira e consequente intervenção da troika. A austeridade imposta a partir de 2011 teve efeito directo na evolução demográfica, decaindo a natalidade continuamente até 2014, ano em que atingiu um mínimo histórico. E, já se sabe, nascendo menos crianças também teremos, inevitavelmente, menos alunos.

Não havendo grande volta a dar a estes números, porque se referem a crianças que já nasceram ou até já estão no sistema educativo, a grande questão que se coloca é o que pretendemos fazer relativamente ao futuro a mais longo prazo. Tal como a generalidade dos países europeus, Portugal caminha a passos largos para uma situação de insustentabilidade futura das suas estruturas económicas e sociais, que só poderá ser revertida ou com uma ambiciosa e eficaz política natalista, ou com o estímulo à imigração de adultos jovens e famílias com filhos.

Conviria por isso superarmos o mais rapidamente possível esta fase da discussão das décimas do défice, da renegociação da dívida que todos sabem impagável e do financiamento de bancos falidos cujos banqueiros não querem ser escrutinados, para nos começarmos a dedicar às questões verdadeiramente decisivas para o nosso futuro colectivo.

Anúncios

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s